9 curiosidades sobre os Beatles extraídas do livro “As Letras dos Beatles”

as-letras-dos-beatles-hunter-davies-fone

Provavelmente é impossível contar a história da cultura pop e da música no século XX sem falar da banda formada pelos garotos de Liverpool: John, Paul, George e Ringo. Os Beatles foram um dos maiores, senão o maior fenômeno pop que já existiu e tudo que é ligado a banda sempre despertou interesse ao redor do mundo.

Em As Letras dos Beatles, Hunter Davies – que foi biógrafo dos Beatles e acompanhou a banda entre 1967 e 1968 – conta a história por trás das letras dos Beatles e de seus álbuns. O livro é repleto de registros históricos e curiosidades sobre os Beatles.

Algumas dessas curiosidades sobre os Beatles surpreenderiam até mesmo fãs mais antigos da banda. Hunter Davis inicia “Letras dos Beatles” contando sobre seu relacionamento com os membros da banda e sobre sua coleção de manuscritos originais das letras. Você sabia que alguns manuscritos originais de canções dos Beatles podem custar entre 250 mil e 1 milhão de dólares? Hunter Davies tem a maior coleção pública destes manuscritose os disponibilizou no Museu Britânico.

O livro conta como até hoje as melodias das músicas dos Beatles tem sido muito mais dissecada do que as letras de suas músicas, e também menciona que seu livro não saiu antes por conta de leis restritivas de copyright. Curiosidade: você sabia que o copyright dos Beatles já pertenceu a Michael Jackson e hoje pertence as empresas Sony e ATV? Pois é.

Os capítulos seguintes do livro são divididos por álbuns, sendo eles: A Hard Day’s Night, Beatles for Sale, Help!, Rubber Soul, Revolver, Strawberry Fields Forever, Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band, Magical Mystery Tour, The Beatles (o álbum branco), Yellow Submarine, Let It Be e Abbey Road.

Todos os capítulos são recheados de imagens dos manuscritos, fotos e curiosidades sobre os Beatles. Separei aqui algumas histórias e curiosidades das letras dos Beatles, que conhecí graças a leitura do livro.

1. Love me do representa a primeira fase dos Beatles.

Página interna - Hunter Davies - Curiosidades Beatles Letras mais fone

Letra simples e repetitiva com grande apelo comercial. Foi uma das primeiras letras escritas por Paul, ainda aos 15 ou 16 anos. Posteriormente John Lennon contribuiu com alguns versos no meio da música: “Someone to love, someone new. Someone to love, someone like you”.

2.  Bob Dylan encontra os Beatles

Manuscritos Beatles - As letras dos beatles Hunter Davies

Álbum Beatles for Sale: foi nessa época que Bob Dylan apresentou a maconha aos Beatles e achava que eles já usavam graças ao “I cant hide” de I wanna hold your hand.

3. Primeiro disco com todas as músicas compostas pelos Beatles

Livro As Letras Dos Beatles - Página interna com fone ao lado

Hard days night terceiro disco da banda e o primeiro disco em que todas as músicas foram compostas pelos Beatles. O álbum é a trilha de um filme de mesmo nome em uma época em que era comum artistas pop estrelarem filmes, sendo Elvis o melhor exemplo disso. As letras ainda tem a temática de amor e os Beatles tinham entre 21 e 23 anos na época do lançamento.

4. Help! e letras menos simplistas

Hunter Davies - As letras dos Beatles - Orelha

Help! é o nome do quinto álbum dos Beatles e também da música principal deste álbum composta quase inteiramente por John Lennon. A música é de 1965, auge da Beatlemania. A letra de Help! começa a ter palavras mais complexas e longas que a média para canções dos Beatles até então, uma provável resposta à críticas pela simplicidade das letras do grupo.

5. Yesterday é a música mais regravada de todos os tempos

Capa Livro Hunter Davies - As letras dos Beatles

Yesterday – Paul acordou com a melodia na cabeça e temendo que fosse uma melodia de outra pessoa guardada no seu subconsciente apresentou a melodia a vários amigos ainda sem uma letra definida, com frases como “how i love your legs” no lugar da letra definitiva. A curiosidade é quando os Beatles se juntaram para gravar Yesterday, todos os outros integrantes disseram a Paul McCartney que não tinham nada a acrescentar a música considerando-a perfeita. Então Paul gravou Yesterday como um solo que conhecemos hoje em dia. Outra curiosidade sobre Yesterday que eu desconhecia é que ela é a música mais gravada de todos os tempos, com mais de 2.200 versões.

6. Eleanor Rigby não é o nome de ninguém especificamente

Eleanor Rigby é uma canção que aparece no álbum Revolver de 1966, em uma fase onde as letras e melodias dos Beatles começavam a amadurecer. Hunter Davies conta que na época do lançamento foi até a casa de Paul McCartney para fazer uma entrevista com ele, e Hunter mencionou que considerava que nenhuma música atual possuía melodia ou letra melhor que Eleanor Rigby. Curiosidade: Eleanor Rigby não é o nome de ninguém especificamente, e antes de ter esse nome outros nomes foram pensados para a música como Father McCartney e Daisy Hawkins.

7. Yellow Submarine era para ser uma canção infantil.

As letras dos Beatles - Lombada do livro

Yellow Submarine trata-se do lado A de Eleanor Rigby. Paul McCartney a compôs muito rápido e com palavras simples na intenção de criar uma canção infantil. Hunter Davies parece acreditar que a canção não tem nenhum significado oculto, sendo apenas uma canção simples e divertida.

8. Strawberry Field é o nome de um edifício do exército da salvação

as-letras-dos-beatles-hunter-davies-fone

Strawberry fields forever – Hunter conta que ouviu essa música antes de ser lançada junto com Brian Epstein e ficou surpreso que se tratasse de uma música dos Beatles. A canção apresenta estilo futurista e experimental para época. Curiosidade: A canção foi composta por John Lennon quando se lembrava da sua infância em visitas ao edifício do exército da salvação chamado Strawberry Field.

9. O álbum Sgt. Peppers é o primeiro álbum dos Beatles sem nenhuma canção romântica.

 

Contracapa do livro "As letras dos Beatles" em cima de uma cama com fone ao lado

O álbum Sgt. Peppers é o primeiro álbum dos Beatles sem nenhuma canção romântica. O álbum para muitos críticos também representa um grande salto de maturidade em sua música. A capa do disco é citada muitas vezes como uma das melhores de todos os tempos, com 39 personalidades famosas. Hunter Davies conta que uma figura de Hitler e outra de Jesus foram removidas da capa no último instante.

Ainda tem mais curiosidades sobre os Beatles

E aí, o que acharam dessas curiosidades Beatles extraídas do livro “As letras dos Beatles” de Hunter Davies? Alguma novidades para vocês? Para mim foram várias.

Compartilhem com os amigos e vejam se eles conhecem essas curiosidades dos Beatles.

Semana que vem volto aqui com mais 9 curiosidades extraídas do livro, sobre músicas como: Hey Jude e Lucy in The Sky. Acompanhe o blog e veja, abraço.

 

Compartilhar:

Seja a primeira a comentar

Leave a Comment

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked