resenha

Posts da categoria resenha

Resenha: O Corpo Dela e Outras Farras

Capa do livro - O corpo dela e outras farras

O livro  O Corpo Dela e Outras Farras  da autora Carmen Maria Machado é composto por oito contos narrados por mulheres e vem sendo chamado de Black Mirror Feminista, porque a autora utiliza ficção cientifica e também terror para retratar várias cenas do universo dessas mulheres como medo, paixão, conflitos, traumas entre outros Em  O Corpo Dela e Outras Farras  a autora além de ir analisando todos esses sentimentos das personagens, ela também aborda temas muito atuais do universo feminino como aborto, violência no parto e sexual, liberdade sexual das mulheres, padrões de beleza impostos pela sociedade e de forma as vezes assustadora as vezes cômica – se não fosse trágico – Carmen Maria Machado vai narrando as histórias dessas mulheres de maneira crua e muito forte. Eu não acho interessante narrar aqui os contos, eu provavelmente não conseguiria passar toda a tensão e […]

Resenha: Só Escute de Sarah Dessen

Livro Só Escute de Sarah Dessen

No livro Só Escute nós conhecemos a jovem Annabel Greene, uma jovem que é conhecida em sua cidade por sua carreira de modelo, principalmente por ter feito o comercial conhecido como “a garota que tinha tudo”, porém, na vida real nem tudo são flores, mesmo que pareça. Annabel tem mais duas irmãs e assim como ela também são lindas modelos, dois pais amorosos e presentes e mora em uma linda casa de vidro, mas a família passa por problemas difíceis, em começar pela irmã, Whitney, que tem problemas com distúrbios alimentares e a mãe que já teve depressão e que a família faz de tudo para que ela não tenha recaídas. Depois de Annabel brigar com sua melhor amiga, agora ela se vê sempre solitária, principalmente por guardar um segredo doloroso de algo que aconteceu com ela em uma festa e que […]

Resenha: É Assim que Acaba – Colleen Hoover

Livro - É assim que acaba

É Assim que Acaba é o segundo livro da autora Colleen Hoover que eu leio e que eu amo. o primeiro foi Confesse, um livro muito envolvente e que eu devorei super rápido, porém, É Assim Que Acaba me tocou muito mais, porque ele trata de um assunto muito atual e que assombra a vida de milhares de mulheres: a violência doméstica. Quando comecei a ler a história de É Assim Que Acaba eu pensei que seria apenas mais um romance como todos os outros. Lily, uma jovem que tem um sonho de abrir a sua própria floricultura e Ryle que sonha em se tornar o maior neurocirurgião de Boston, até ai, tudo bem. Quando Lily e Ryle se conhecem no alto de um prédio eu só pensava: hum! vai ser mais um romance mamão com açúcar, e até certa parte é sim. Apesar das […]

Resenha: Não Chore, Não – Mary Kubica

capa do livro - não chore, não

Assim que eu recebi o livro Não Chore, Não  da Editora Planeta confesso que fiquei super ansiosa pela leitura, afinal, Não Chore, Não é o segundo livro da autora Mary Kubica que eu leio, o primeiro foi A Garota Perfeita e eu amei demais aquele livro. Em Não Chore, Não conhecemos Quinn, uma jovem que após uma noite de farra e bebedeira ao acordar em seu apartamento percebe que Ester, sua amiga e roommate desapareceu. Nisso Quinn começa a buscar pistas para tentar descobrir se sua amiga Ester realmente desapareceu ou se apenas resolveu ir embora sem avisar. Em paralelo a história de Quinn, Não Chore, Não nos apresenta Alex, um jovem que mora em uma pequena cidade e decidiu desistir da faculdade para ficar cuidando do pai alcoólatra. Em mais um dia de trabalho na lanchonete, Alex avista uma moça que atrai sua atenção de forma que ele […]

Resenha: O Tatuador de Auschwitz

capa do livro - o tatuador de auschwitz

O Tatuador  de Auschwitz conta a história real de amor de Gita e Lale, judeus presos no campo de Auschwitz que acabaram se apaixonando durante a época mais sombria de suas vidas. Lale é mandado para Auschwitz-Birkenau em 23 de abril de 1942, depois de passar uns dias fazendo trabalhos braçais, Lale fica doente e quase morre, mas, com a ajuda de alguns amigos, consegue sobreviver a tifo – doença infectocontagiosa. Após isso, Lale é mandado para trabalhar como O Tatuador de Auschwitz, que nada mais é que ser responsável por tatuar  o número nos braços de prisioneiros que chegam diariamente em Auschwitz. As tatuagens precisavam ser refeitas após um período, pois iam desaparecendo do braços do prisioneiros e foi em um dia assim que Lale encontrou Gita. Ao ser transferida de Auschwitz para Birkenau, Gita precisa renovar a sua tatuagem e entre […]